quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

NADA MUDOU


Certamente nada mudou em Cabo Frio, nestes “dias de redenção” anunciados pelo governo de Dr. Adriano após sua eleição tapa-buraco.

Páginas de apoio ao Prefeito se espalham nas redes e procuram maquiar suas indesculpáveis ações eleitoreiras – sim, ele já está de olho em 2020! - miando a eterna cantilena do “discurso de ódio” contra o abstruso senhor.

Estas páginas entretanto, bem como alguns defensores autônomos, aparentemente esgotaram seus poucos argumentos a favor do Chefe do Executivo, já que a ambição eleitoral do mesmo o impede de tomar as medidas necessárias para a correta administração da cidade.
CONTINUA -

sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

2018: O ANO EM QUE 1968 ACABOU


Certo seria que fizéssemos uma bela despedida para o ano em que, finalmente, o Brasil sepultou um 1968 decomposto, podre, cujas vísceras imundas revelaram-se sem disfarce ao povo. Fomos  enganados durante meio século por uma narrativa mentirosa e única da grande mídia cúmplice, associada à um sistema educacional criminoso e deformador, que resultou na atrofia e inutilização de gerações de brasileiros.

quarta-feira, 28 de novembro de 2018

VOCÊ, MANIPULADO


O mainstream, a grande mídia, perdeu o monopólio da verdade. Desbancados pelas redes sociais - algumas delas cúmplices deste stablishment, pois as principais trataram de impor sua censura aos "inconvenientes" conservadores - mostram agora, sem nenhum pudor, todo seu desespero pelo "reino perdido".
Leia aqui tudo o que tem se passado, o comportamento estranho que sua emissora de TV, seu jornal, sua rádio ou suas revistas exibem e você não sabe o por que! 

terça-feira, 27 de novembro de 2018

MENTIR PARA SI: VIDAS SEM SENTIDO OU EVOLUINDO AO NONSENSE?


A humanidade precisou produzir mentes como a de Sócrates, São Tomás de Aquino ou Einstein, para, coroando esta evolução, terminarmos em meio a cérebros movidos por slogans, frases feitas e palavras de ordem – todos “politicamente corretos”, é claro.

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

O DESTINO DO BRASIL É A GRANDEZA


Uma quartelada promovida por um Exército em férias, que se deixou levar pela soberba da vitória na guerra do Paraguai, aliada ao chifre queimado de um marechal e aos interesses de acadêmicos bem-nascidos, em sua maioria filhos de fazendeiros furiosos com a abolição da escravatura: este é o resumo do evento lembrado pelo feriado do dia de hoje, a proclamação da república.